Contacte-nos

Moradia T3

Comprar

Zebreira e Segura, Idanha-a-Nova, Castelo Branco

66 000 €
Ref: 801/M/00036
  • 100 m2
  • 55 m2
  • 3
  • 2

Moradia T3 em Zebreira - Idanha a Nova

Detalhes gerais do imóvel

  • Estado: Renovado
  • Quartos: 3
  • Cozinha equipada: Não
  • Área bruta: 100 m2
  • Casas de Banho: 2
  • Lareira: Não
  • Área útil: 96 m2
  • Área terreno: 55 m2
  • Terraço: Não
Certificate

Moradia da tipologia T3, sito na Nave, em Zebreira, freguesia de Idanha-a-Nova, constituída por R/C e 1ºandar.
A nível do R/C, esta é constituída por 2 salas, podendo uma ser aproveitada e constituir-se um quarto, uma cozinha semi-equipada, incluindo um termossifão para aquecimento de água e um toilet. O 1º andar, é constituído por 2 quartos, ambos contendo ar condicionados e armários embutidos e uma casa de banho.

Zebreira é uma povoação portuguesa do município de Idanha-a-Nova, na província da Beira Baixa, região do Centro (Região das Beiras) e sub-região da Beira Interior Sul, com 103,56 km² de área e 873 habitantes (2011
Segundo as histórias, Zebreira foi sede de uma freguesia extinta em 2013, no âmbito de uma reforma administrativa nacional, para, em conjunto com Segura, formar uma nova freguesia denominada União das Freguesias de Zebreira e Segura da qual é a sede.

A origem do termo Zebreira, ainda divide as opiniões, pois uns autores defendem que deriva da palavra "Zebros" (que significa boi ou novilho), outros consideram que é de origem egípcia, o qual quererá dizer "Santo Monte". O Zebro é um burro selvagem e não um boi ou novilho. O Zebro extinguiu-se na Península Ibérica, a partir do século XVI. Era dotado de uma corrida célere e a dureza da sua pele fez com que a mesma fosse utilizada, durante a Idade Média, na produção de calçado. Isto associado à apreciação da sua carne e também à invasão que o mesmo fazia nas hortas, anteriormente campos de pastagem, conduziu à sua extinção.
Os terrenos da Zebreira são bastante férteis e predominam o cultivo das oliveiras, árvores de fruto e cereais.
Dentro da povoação não deixe de admirar a Igreja Matriz (do século XVIII), as capelas (especialmente o altar da capela do Espírito Santo), o pelourinho de 1686 (cujas faces têm leões, esfera armilar, uma flor e dois braços com um cutelo) e a casa da Câmara com a torre sineira.


Características do imóvel

Geral

  • Vista: Vista montanha
  • Varanda
  • Armários embutidos
  • Certificação energética: Em curso
  • Varanda: 1
  • Localização: Interior
  • Serviços: Supermercados, Correios, Farmácia, Lar de terceira idade
  • Zona envolvente: Residencial
  • Vistas: Serra, Campo, Areas verdes, Prédios

Exterior

Interior

  • Ar condicionado
  • Cozinha: Exaustor, Placa